Buscar
  • WTF! School

Você não é todo mundo: os pilares de uma comunicação singular.

Tenho um slide de estimação que aparece em todos os meus cursos e apresentações que diz o seguinte: “Este não é um curso sobre vendas. É um curso sobre relacionamento”. “Suas vendas serão consequência do seu poder de conexão”, complemento em letras menores.

Isso pois a dificuldade não é mais fazer com que as pessoas (e os negócios) entendam que precisam estar no ambiente digital, mas sim, fazer com que entendam que a gente pode estar lá de qualquer jeito.

Então como se diferenciar quando todos os ambientes parecem saturados e eu preciso vender o meu produto, minha ideia, meu serviço? Como me apresentar na internet com qualidade e resultado?


Primeiramente, enxergando a comunicação não como complemento de estratégia, mas como rotina fundamental - e a pandemia nos ajudou muito nisso.

Depois, é preciso entender que a comunicação não é sobre você, mas é sobre o outro e a forma como ele irá se conectar com você através do seu conteúdo.

Por isso que planejar é tão importante: pois é assim que conseguimos enxergar o processo de ponta a ponta. Das metas ao resultado. E, para isso, alguns elementos precisam ser levados em consideração. Gosto de organizar o planejamento me apropriando da pirâmide invertida – aka 3Q + COP, conceito do jornalismo que não me permite esquecer do que é relevante nesse processo:

- O que: pensar seus objetivos, pretensões. Ferramentas como matriz SWOT e SMART são úteis em uma identificação mais assertiva e alinhada com as expectativas do seu público. Spoiler: das suas fraquezas podem surgir muitos objetivos relevantes e, principalmente, ações.

- Quem: mais do que pensar público alvo, esse elemento é um convite a refletirmos primeiramente sobre nós como brand persona e depois sobre quem de fato está sendo atingido pelo nosso nicho.

- Quando: é entender nesse meio de muitas informações com qual frequência e periodicidade seu público está precisando do que você tem para oferecer. Nem mais, nem menos.

- Como: linguagem, formatos, apropriações que façam sentido para que sua personalidade fique marcada em qualquer rede.

- Onde: nem todas as redes sociais fazem sentido para todo mundo e nem só de uma rede social vivem os negócios. Você sabe qual o território da sua marca? Ou ainda está se baseando nas redes que você gosta.

O “P” que fecha o 3Q+COP é o “por que”. É a reflexão sobre a razão pela qual comunicamos. É o nosso ponto de impacto positivo para o mundo. Nosso real diferencial. Podemos estar no nicho mais saturado que existe, se soubermos o propósito da nossa comunicação ela irá gerar conexão. E com conexão se é efetivo.

Não existe uma fórmula do sucesso no ambiente digital, mas podemos juntos criar roteiros que facilitam a nossa jornada. Singular é sobre isso: sobre entender que você é único, que seu público é composto por pessoas com múltiplas particularidades e assim, criar um conteúdo que de fato dê resultado.

Resultado para você e para o mundo.


Gabriela Schuch Kastner

Professora do Singular - Estratégias de comunicação digital com propósito

Mestra em Comunicação e Processos Sociais. Especialista em TV e Convergência Digital. Jornalista. Trabalha com internet e suas ramificações desde 2007, atuando desde 2012 de forma exclusiva com planejamento em mídias sociais, monitoramento de resultados e marketing de conteúdo estratégico. Ao longo desse período, já atendeu cerca de 50 contas dos mais diversos segmentos da moda ao agronegócio, passando por esporte, varejo e tecnologia.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020 por wtf.school

já que está lendo isto aqui, sem nada pra fazer, te inscreve no nosso curso online

WhatsApp-icone.png