FELIPE MENEZES

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco

Fundador da WTF! School, uma escola livre com foco em experiências transformadoras que pretende desenvolver protagonistas da transformação. Engenheiro (mas tem coração) e entusiasta de futurismo, mestre em engenharia, professor universitário, palestrante e empreendedor. Pai do Pedro e do Lucas, adora tecnologia, mas mora num sítio. Curte filosofar, mas também bota a mão na massa. Tem uma relação bem próxima com startups: já fundou uma e quebrou outras. Acredita que pode mudar o mundo através da educação.

 

Experiências:

  • Co-fundador da WTF! SCHOOL

  • Co-fundador da Startup TKS!

  • Professor da Unisinos

  • Ex-Professor e Coordenador do Curso na Universidade Feevale

  • Experiência em Consultoria desde 2003

  • Mestrado em Engenharia de Produção e Sistemas

  • Graduação em Engenharia de Produção Mecânica

ASSISTA

TEMAS

Explorando Futuros

Estudei e apliquei pensamento sistêmico no mestrado. Conheci e me aprofundei sobre foresight nos estudos de futurismo. Exercito constantemente o olhar para entender os impactos sistêmicos das nossas ações no tempo e no espaço. Gosto de provocar e questionar o status quo.

Inovar não é seguir tendências! É preciso olhar para o futuro! a palestra traz uma reflexão sobre as mudanças ocorridas nas empresas, na economia e na sociedade a partir da perspectiva do tempo. Muito se fala do avanço tecnológico como principal vetor de transformação, mas tecnologia é meio, não fim. Além disso, o futuro não chega ao mesmo tempo para todos. O conhecimento é a principal habilidade para prosperar neste mundo Pós Normal que exige grande poder de adaptabilidade.

Tópicos: quarta revolução industrial |era pós digital | tecnologias exponenciais | tempo pós normal | capitalismo consciente

 

Tecnologias Exponenciais

 

Trabalhei na indústria. Vivi e aprendi com os últimos avanços das revoluções industriais. acelerei este processo empreendendo e principalmente sendo um "early adopter" de novas tecnologias: adquiro, testo, experimento e entendo potencialidades. Precisamos conhecer e ter espírito crítico para decidir como usar a tecnologia, pois ela não é boa nem má. A tecnologia é ambígua.

As revoluções industriais impactaram a indústria e a economia, mudando nossa forma de interagir com o mundo. O que poucos percebem é que esta mudança é cada vez mais veloz e impactante. Entender os impactos e características das tecnologias exponenciais é imprescindível para prosperarmos como sociedade e organizações.

Tópicos: internet das coisas | inteligência artificial | impressão 3D | economia colaborativa | organizações exponenciais
 

Educação e Aprendizagem

 

Criei e sou sócio de uma escola livre. sou professor universitário desde 2007. Já atuei também em projetos de aprendizagem com crianças. Criei e conduzi muitos projetos interdisciplinares e de impacto (social e ambiental). Acredito fortemente que o conhecimento transforma e pode mudar o mundo. 
 

O mundo evoluiu numa velocidade jamais vista. os ambientes de aprendizagem não acompanham no mesmo passo este movimento. Pensar nas origens da escola e ressignificar a educação é primordial para o avanço da sociedade. A palestra é recheada de relatos de experiências que discutem como como colocar a aprendizagem (ao invés do ensino) no centro do processo e desenvolver a habilidade de aprender a aprender.

Tópicos: origem da escola | ensinar x aprender | metodologias ativas | aprendizagem significativa | futuro da educação

Cultura Maker

Usava lente de contatos, mas tive um problema na córnea de ambos os olhos. Meu óculos estava quebrado, ao invés de comprar outro, desmontei as lentes e imprimi uma armação nova, encontrada na internet. Produzi na impressora 3D que eu mesmo construí colaborativamente com amigos. Ficou curioso porque é verde? Te conto na palestra!

Essa história da inspiração transcende o fato de quem consegue fazer isso é apenas um nerd com conhecimento em tecnologia. Isso é um sinal fraco que demonstra uma nova economia em expansão. Um movimento consciente que permite que pessoas façam seus próprios produtos colaborativamente. E o melhor de tudo, a cultura maker é uma forma de aprendizagem linda e completa.

 

Tópicos: movimento maker | fablab | (DIY) do it yourself | colaboração | inovação aberta
 

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© 2019 por wtf.school

já que está lendo isto aqui, sem nada pra fazer, te inscreve no nosso curso online

WhatsApp-icone.png